domingo, 19 de dezembro de 2010

Dúvidas frequentes da Cesárea




A cesárea é segura?

Uma cesariana não é 100% segura. É uma cirurgia de médio a grande porte e como tal, têm seus riscos e deve ser realizada somente em caso de real necessidade.

Quais as vantagens da cesárea?
 
A grande vantagem da cesárea ocorre quando existe risco de vida materno ou fetal, pois, ela pode salvar a vida de mãe e/ou filho. Muitas vezes, porém, a cesárea é escolhida por conta de algumas conveniências que sua realização com hora marcada pode proporcionar: como agendar a data do parto de acordo com as necessidades do médico e/ou dos pais; transformar o momento do nascimento em algo previsível; isentar a mãe da responsabilidade de parir; evitar a dor do trabalho de parto, etc. Estas conveniências, que podem parecer vantagens dentro da realidade de alguns médicos e gestantes, necessitam antes passar por uma análise mais profunda. É bom informar-se adequadamente sobre os riscos físicos e emocionais que a mãe e o bebê correm quando se realiza uma cesárea desnecessária.

Quais as desvantagens da cesárea quando ela NÃO é necessária?

Para a mãe:
· Aumento do risco de morbi-mortalidade (infecção, hemorragia, anemias, trombose, morte materna)
· A recuperação pode ser bem mais demorada e dolorida do que a do parto normal.
· Atrapalhar o estabelecimento do vínculo com o bebê e a amamentação.
· Transforma o parto num evento patológico.
· Promove na mulher a experiência de passividade e impotência, de ser um personagem secundário no nascimento de seu filho, privando-a de um momento que pode ser de profunda e enaltecedora transformação

Para o bebê:
· Aumento dos riscos de morbidade-mortalidade, sobretudo no que se refere à maturidade pulmonar.
· Maior risco de bronco-aspiração das secreções no momento da retirada do bebê do útero. Lembrar que a passagem pelo canal do parto comprime o tórax do bebê e auxilia na “drenagem” das secreções da via aérea superior.
· O bebê é retirado do útero, não nasce, é assim privado da experiência ativa de protagonismo.
· Ele não está pronto para nascer, não recebeu as informações de que é hora de nascer, portanto seu nascimento é um ato de violência.
· Carregará consigo a experiência de passividade e de ser objeto da ação alheia.

É verdade que com a cesárea não se sente dor?
 
Não, a cesárea causa dor na região do corte, dor ao se movimentar, o intestino fica com o transito lento, por isso os gases não conseguem ser eliminados, o que provoca sensação de estufamento e dor tipo de cólica. Além disso, ao tossir ou espirrar as mulheres têm a sensação de que os pontos vão “arrebentar”, por este motivo os médicos recomendam o uso de cinta pós-parto.

Quando a mulher pode voltar a se movimentar normalmente após uma cesárea?
 
No primeiro mês pós-cirúrgico se deve evitar fazer movimentos que exijam força na região abdominal, depois disso é possível reiniciar os movimentos progressivamente. Três meses após a cesárea a mulher poderá fazer tudo o que se fazia antes da cirurgia, abaixar e levantar sem problemas e fazer ginástica se desejar. Se ainda houver vermelhidão, o ideal é ver como está, mas se somente a incisão estiver vermelha e não ao redor (como numa inflamação), isto pode fazer parte do processo de cicatrização. Se ainda houver dor, isto pode acontecer, afinal de contas é uma cirurgia, e poderá doer por uns tempos. Se você perceber que o esforço físico piora essa dor é melhor respeitar, e diminuir a intensidade.

Quais são as possíveis complicações da cesárea?
 
Os riscos estão relacionados ao procedimento invasivo:

· Infecção (dos tecidos/órgãos/estruturas e demais sistemas orgânicos).
· Hemorragias (é importante lembrar que nas cesáreas programadas o útero estará preparado para fazer a contenção do sangramento por ocasião da secção das fibras musculares uterinas).
· Lesões de estruturas adjacentes (bexiga é a mais comum).
· Constipação intestinal/prisão de ventre => maior desconforto na movimentação.
· Maior risco de trombose venosa profunda nos membros inferiores devido à descompressão brusca dos vasos sanguíneos pélvicos e imobilidade prolongada => formação de trombos e entupimento dos vasos sanguíneos.
· Comprometimento do bom prognóstico dos próximos partos. 

Por: ONG Amigas do Parto    

11 comentários:

  1. Tem um mes que fiz e ontem agachei esqueci completamente da cesariana rs tem algum problema?

    ResponderExcluir
  2. Nossa que texto horrível.faz a mãe que teve cesárea se sentir um lixo perto da que fez parto normal. Eu tenho 2 cesáreas e não me arrependo. Estou grávida novamente e terei outra cesárea, para fazer laqueadura. Não importa como o bebê veio ao mundo, o importante é o amor que ele vai receber. Tem muitas mães que dão a luz por parto normal e jogam o bebê no lixo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você. Não fiz cesárea por opção, mas independente uma pessoa que fZ cesarea é tão guerreira quanto quem faz parto normal, afinal é preciso muita coragem pra cortar 7 camadas da sua barriga.

      Excluir
    2. Eu tb concordo com vc, eles estão desprezando as mães que tem parto cesárea..
      Estou grávida de 35 semanas e optei por cesárea devido eu morar sozinha e longe da minha família.
      Acho que as pessoas gostam de menosprezar e falar muita besteira.

      Excluir
  3. Concordo com você disse tudo ������������

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Fiz cesariana e com um mês, agacha e não me aconteceu nada, estou ótimo. Hoje com dois meses de cesaria, faço minhas atividades normalmente, só evito pegar muito peso.

    ResponderExcluir
  6. Com um mês de cesariana agachava,hoje aos dois meses faço de tudo, só evito pegar muito peso.

    ResponderExcluir
  7. Com um mês de cesariana agachava,hoje aos dois meses faço de tudo, só evito pegar muito peso.

    ResponderExcluir
  8. Tenho dez dias de cesariana e pra mim è a pior maneira de uma crianca vim ao mundo, dolorosa,artificial grotesca. Fiz pq meu Bb na ultima semana sentou n tive escolha, Mas fazer isso so por capricho ou pq n quer sentir a dor do parto è a pior ignorancia.

    ResponderExcluir
  9. kkkk, os comentários sao os melhores, cada um escolhe a forma do bebê vim ao mundo! o que importa é o amor que vai ser dado ao bebê, so do fato de gerar um bebê dentro do ventre a mulher Ja é mãe, fiz Cesária foi muito bom! nada de dor, recuperação ótima. cada caso um caso.

    ResponderExcluir